AUTO-RETRATO

Sempre que a nossa palavra: censura, justifica, levanta, rebaixa, deprecia, louva, depreda, restaura, complica, auxilia, apóia, fere, abençoa ou condena seja a quem for, estamos fazendo o nosso próprio retrato.
E isso acontece porque sendo as atitudes, os pensamentos, as idéias, as intenções dos outros, realidades dos outros – cujas origens autênticas não conseguimos penetrar – toda vez que nos referimos aos outros estamos sempre efetuando a projeção parcial ou total de nós mesmos.

Anúncios

Sobre Claudinha Grycak

Brasileira, divorciada, natural de São Paulo, 40 anos. Sou portadora de Alopecia há 21 anos, criei esse blog para aproximar as pessoas que sofrem desse problema. "Aceitação não é comodismo ou fuga, o ato da aceitação equivale a envolver com amor profundo os fatos que não podemos alterar e encará-los como circunstâncias a serem vivenciadas e vencidas para o fortalecimento do nosso ser."
Esse post foi publicado em Diversos, Reflexão e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s