JOHN GRISHAM, MINHA PAIXÃO

Por Adriana Balthazar

Olá pessoal quero dividir com vocês uma paixão minha, é o autor John Grisham. Pra quem não o conhece sugiro que leiam algum livro dele ou mesmo vejam um dos filmes famosos no cinema inspirados em suas obras. Aí vai um pequeno resumo de sua vida e obra. Aproveitem!!!

 Nascido em 8 de fevereiro de 1955 na cidade norte-americana de Jonesboro, John Grisham começou a escrever nas poucas horas vagas que sua carreira como advogado lhe permitia. Suas especialidades eram defesa criminal e processos por danos físicos. Foi o caso de uma vítima de estupro de apenas 12 anos que o inspirou a escrever sobre o universo jurídico. Esse primeiro romance, “Tempo de Matar”, foi publicado em 1988. Desde então, o ofício de escritor acabou se tornando prioritário em sua vida. Hoje, ele é um dos seis autores mais lidos nos EUA, onde seus livros já venderam cerca de 100 milhões de exemplares, ocupando as listas dos mais vendidos por anos a fio. Sete de seus romances se tornaram filmes de sucesso, como A firma, O dossiê Pelicano, O cliente e O homem que fazia chover. Todos os seus livros publicados no Brasil foram lançados pela Rocco. Entre eles, A câmara de gás, A casa pintada, A confraria, A intimação, Esquecer o Natal, O advogado, O júri, O sócio e O testamento.

  Bibliografia

Ao redor do mundo, o autor já vendeu mais de 250 milhões de exemplares, com títulos traduzidos para mais de 29 línguas, sempre figurando nas listas dos mais vendidos, sendo eleito pela Publishers Weekly como o escritor dos anos 90.  Seu livro, O Dossiê pelicano obteve uma vendagem de 11.232.480 cópias somente nos Estados Unidos.  Após envolver-se durante anos com o gênero ficção, Grisham lançou em 2006 seu primeiro livro baseado em fatos reais, The Innocent Man.  Segundo o autor, o título traz uma crítica às falhas do sistema e da pena de morte.

Ficção:

  • Tempo de matar (A Time to Kill, 1989),
  • A Frima(The Firm, 1991)
  • O Dossiê pelicano (The Pelican Brief, 1992)
  • O Cliente (The Client, 1993)
  • A Camâra de Gás (The Chamber, 1994)
  • O Homem que Fazia Chover (The Rainmaker, 1995)
  • O Júri (The Runaway Jury, 1996)
  • O Sócio (The Partner, 1997)
  • O Advogado (The Street Lawyer, 1998)
  • O Testamento (The Testament, 1999)
  • A Confraria (The Brethren, 2000)
  • A Casa Pintada (A Painted House, 2001)
  • Esquecer o Natal (Skipping Christmas, 2001)
  • A Intimação (The Summons, 2002)
  • O Rei das Fraudes (The King of Torts, 2003)
  • Nas Arquibancadas (The Bleachers, 2003)
  • O Último Jurado (The Last Juror, 2004)
  • O Corretor (The Broker, 2005)
  • Jogando por Pizza (Playing for Pizza, 2007)
  • O Recurso (The Appeal, 2008)
  • O Negociador (The Associate, 2009)
  • (Ford County, 2009)

Não ficção

  • O Inocente (The Innocent Man, 2006)

Alguns filmes foram baseados em livros de Grisham e transformados em grandes produções televisivas e cinemaqtográficas: A Firma (1993), O Dossiê Pelicano (1993), O Cliente (1994), Tempo de Matar (1996), O Homem que fazia chover (1997), Até que a morte nos separe (1998), Um Natal muito, muito louco (2004), fora outras obras como O Inocente, O sócio e o Negociador que tem previsão para lançamento no Brasil em 2010 e 2011. 

Site oficial: http://www.jgrisham.com/

 O último que li foi “A Casa Pintada”, mas me apaixonei mesmo por ele no livro “Tempo de Matar” e depois no filme “O júri”, com John Cussak. Espero que gostem, pois eu amo!!!

Bjinhos, Drica

 

Anúncios

Sobre Claudinha Grycak

Brasileira, divorciada, natural de São Paulo, 40 anos. Sou portadora de Alopecia há 21 anos, criei esse blog para aproximar as pessoas que sofrem desse problema. "Aceitação não é comodismo ou fuga, o ato da aceitação equivale a envolver com amor profundo os fatos que não podemos alterar e encará-los como circunstâncias a serem vivenciadas e vencidas para o fortalecimento do nosso ser."
Esse post foi publicado em Dicas, Filmes, Livros e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para JOHN GRISHAM, MINHA PAIXÃO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s